13 abril 2015

1

Aos Amores


 Link da Imagem


Talvez esse verso possa ser eu
Talvez até seja
Uma metáfora distorcida
Que se encaixa em todas
Como o hábito ou o vício
De respirar

Talvez esse verso seja você
Exposto em palavras
Que nem sabia o que eram
Ou o que podiam vir a ser
Até alguém declamá-las...

Transformá-las em nós
Ou em ninguém

Talvez essa poesia
Seja só outro relato
enfadonho
Dos casos e amores
Das dores e clichês
Que afligem as vidas
Pelo mundo

Pois é... depois de muito tempo tudo que passou na minha cabeça foi finalmente para o papel. As coisas estão um pouco confusas mas tudo é novo e vibrante, como as próprias pessoas.
Espero que gostem. Comentários?

Um comentário:

  1. Muuuuuuito bom, Lara.
    Adorei todo o seu blog <3
    Aah, foi um amigo em comum que me indicou depois de ver o Amor em Não Amar... hihii, beijos e pretendo ler mais coisas suas!

    ResponderExcluir