24 janeiro 2012

6

Juramento Quebrado

Link da Imagem

Engoli as lágrimas
Uma a uma, censurei
Junto com os sentimentos,
Que elas insistem em trazer.

Meu sangue ferve
E a linha fica turva
Entre amor e ódio
E o certo e o errado.

Não vou chorar,
E demonstrar fraqueza!
Não vou te chamar,
Pois só me causa tristeza.

Quem somos nós
Que não reconheço?
Vejo uma estranha no espelho,
E lágrimas em seus olhos...

Mas não pode ser eu,
Pois jurei que nunca...
Nunca mais choraria
Por você.

Ok... Acho que essa categoria tem que ser um pouco abaixo de depressivo. Mas depois de escrever isso aqui e conversar com uma amiga, eu me senti muito, muito, incrivelmente bem. Sério, se me mandassem fazer um sanduíche agora eu perguntava com borda ou sem? ahushahsu ok talvez não u.u
Mas eu estou me sentindo leve, quase nas nuvens. Agora sim eu posso dizer que esse ano vai me dar muito menos problemas ^^
Mereço um comentário?
(PS: fiz ouvindo Marilyn Manson, qualquer música encaixa bem, mas sugiro Tainted Love)

6 comentários:

  1. Às vezes a tristeza nos pega sem prevenção.
    Mas tudo uma hora passa, especialmente com os amigos ^^
    Ótimo poema, beijos

    ResponderExcluir
  2. Adorei o poema, com palavras tão belas. Já passei por isso fiz promessa de que nunca mais choraria por certo alguém, mas a vida leva a gente pra alguns outros rumos e a historia acabou se repetindo, mas a questão é que mesmo assim devemos tentar nos desapegar desses que só nos fazem sofrer.
    Bjin*

    http://deardiary-sucker.blogspot.com/

    Aaaah, vou te pedir mais um favor, sabe aquele concurso que eu pedi pra você votar no Dear Diary Sucker? (falando nisso obrigado por ter votado!) as votações são em dois blogs, pode vota no meu blog em http://gabiislol.blogspot.com/ ??? Valeu!!!

    ResponderExcluir
  3. Own, você escreve bem, tem muito talento. Segui o blog, gostei daqui *-* www.d-e-s-n-e-u-r-a-n-d-o.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Lindo poema.
    só uma coisa: escrever nos deixa assim, mais aliviados. é bom,sabe? sugiro que escreva todas as vezes que sentir que deve

    p.s.: estou seguindo ;)

    ResponderExcluir
  5. Nossa, que forte as tuas palavras Vic.
    Adorei a forma como você retratou um pouco de mim, de todos nós.
    Muitas vezes nem me reconheço por trás de tantas lágrimas.

    Lindo poema. :)

    ResponderExcluir
  6. Como eu já sou um grande fã deste blog, sou suspeito de falar, mais gostei muito do texto, ele me fés refletir.

    ResponderExcluir