15 agosto 2011

4

A Testemunha

Link da Imagem

A Lua foi testemunha
Sim meu amor
Não lhe contei, mas lá estava ela,
Silenciosa, experiente...
Não achei que fosse contar

Mas sim meu amor
Por trás dessa máscara sóbria
Ela viu tudo, sim
E contou às estrelas

E as estrelas, doces inocentes
Piscaram sim, de prazer
Repassando nosso dia, nossa noite,
Sim, invejando nosso amor

E agora que a Lua contou
E todas as estrelas sabem
O universo pulsa nosso amor
Beije-me, amor, beije-me,
Vamos dar a todos o que falar.

4 comentários:

  1. Muito lindo o poema, você tem, talento pra escrever viu!
    Vou deixar o link do meu blog aqui pra vc dar uma visita!

    http://agarotaperfeitatemdefeitos.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Oi,
    vim lhe fazer uma visitinha.
    Ótima noite ;*

    http://iasmincruz.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. É sempre tão lindo quando se fala da lua, principalmente quando o assunto central é o amor.
    Escreves maravilhosamente.
    Encantador seu poema e seu blog.
    Liiindo :)
    Beijos , querida !

    ResponderExcluir
  4. Que lindo, eu adoro seus poemas, são tão lindos,doces e sensiveis. Parabens!
    http://senhoritaliberdade.blogspot.com/

    ResponderExcluir