03 abril 2011

0

Os 7 Pecados

Gente desculpe todo esse tempo que estou sem dar notícia de vida!
Talvez nem seja tanto tempo assim mas o tempo não passa quando não temos internet ¬¬
Pois é, lá em casa estou sem internet, só terei de novo a partir do dia nove. Vou poder postar só hoje e amanhã, e depois vocês terão de ter um pouco de paciência =/
Enfim, espero que  gostem do poema!

Link da Imagem
A Luxúria,
Se envolve sedutora,
Uma fumaça encantadora,
Dá voltas, sussurra,
Polui e mente pura

A Gula,
Doce paixão comestível,
Aromas  circulam em volta do escolhido,
A boca anseia por novos sabores.

A Cobiça,
O desejo  pelo que não lhe pertence,
A grama do  vizinho,
Sempre mais verde.
O  que não é seu
Há de ser bom.

A Avareza,
Cada moeda  contada,
Cada ação calculada,
Nada é de graça,
Tudo tem um preço.

O Orgulho,
Altivez, beleza,
Sempre superior
Se o chamam de orgulhoso,
Já há motivo para se orgulhar.

A Ira,
A fúria em suas diversas formas,
O fogo bloqueia a visão,
E quem questionará seus atos,
Sem coragem de erguer  a mão?

A Preguiça,
Comanda a gravidade,
De tudo se perde a vontade,
E a vida passa diante dos olhos,
Lenta,
Sem graça.

Se achou que isto teria sete pecados
Sete  estrofes
O que estou fazendo eu em uma oitava?
Há um oitavo pecado,
Viver em toda sua essência,
E bater de frente com os sete menores
Pois uma vida sem pecados,
Não merece ser vivida.

Lara Vic.

Nenhum comentário:

Postar um comentário