14 maio 2014

7

Monótona Poesia

Link da Imagem

Os dias da agenda vazios
Com o futuro por ser escrito
E eu mal tenho palavras
E eu mal tenho tempo.

Dos dias que já se foram
As poesias já foram escritas
Os sorrisos já de esgotaram
As memórias foram vividas.

Do sorriso que se mantém
Perverso, constante e cínico
A carne o esconde bem
Os lábios num aperto clínico.

Dos sonhos que as vezes tive
Iluminados pela Lua
Num céu de estrelas urbanas
Caminhando pela rua.

E a rosa que segurei
Embriagada pelo perfume
Fez lágrimas correrem
Como seria de costume.

O futuro a ser escrito
Em papéis de nostalgia
A vida se resumindo
Numa monótona poesia.

O que uma lua cheia não faz com uma pessoa haha
Depois desse tempão sem postar nada, uma conversa legal com minha amiga de onde surgiu o primeiro verso e usando algumas metáforas mais antigas... Saiu esse aqui. Meio depre eu sei, mas gostei haha
Mereço comentários? *-*
Beijos!

7 comentários:

  1. Nossa Lara! Que foda! Hoje mesmo eu tive uma conversa com minha professora de redação e mais uns amigos sobre a idealização do futuro e o que isso remete nos dias de hoje! Muito bom mesmo!

    Hugo, abraço.

    ResponderExcluir
  2. ô meu chuchu, adorei! Fico encantada e orgulhosa com a sua disposição para o mundo das palavras. Eu demorei, mas agora vou sempre estar por aqui.

    Um grande abraço. Cintia

    ResponderExcluir
  3. Gente do céu!, quanta sensibilidade junta!!! gostei muito.

    dentrodabolh.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Boa noite Lara.. vi teu blog num comentário e cá estou eu..
    como me encanta encontrar uma poesia direta ao ponto.. é o que a escrita faz com nós.. tenhamos nós dias nublados, depressivos, ela sempre se faz presente.. comigo foi assim mas sem ficar a olhar o luar mas foi quase isso.. pois escrevi muito com a sonata ao luar do beethoven.. e muitas outras músicas..
    a poesia se derrama do nosso interior.. como sou meio doente por rimas sendo que tudo que fiz até hj e é muita coisa não fiz nenhuma sem elas gostei da rima cínico e clínico.. muito bem elaborada..
    espero que continue a poetar assim .. tudo esta muito bem e algumas métricas até tinham rimas certinhas.. no mais uma linda noite e até sempre
    este meu blog caso desejar fazer uma visita..

    http://lapidandoversos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Irônico você falar da lua e ter justamente comentado em um poema meu sobre a lua. Convenhamos, a danada é inspiradora. haha Belíssimo, Lara!

    ResponderExcluir