21 março 2011

2

O Casamento

Pois é, um poema sobre traição e outro sobre casamento. Não percam as esperanças! Para alguns, o "felizes para sempre" existe!
Pena que são poucos :'(
Link da Imagem

As pessoas se aproximam
Vestidos suntuosos para as moças
E para os homens terno e linho.

Rostos radiantes
Perdem o brilho perto do homem no altar
Ele, ansioso,
deslocado em seu  terno,
Vê rostos conhecidos,
E, feliz por estarem ali,
Visualiza a amada.

***

Esta, de vestido branco,
Olha-se no espelho pela última vez
E a garota atrás do vidro a encara de volta
Pasma
Pela beleza que a acomete.

***

Chegou a hora,
A música entoa os acordes do destino
Cada passo se mostra mais certo.

As palavras do padre dão voltas
Não fazem sentido,
Mas deveriam?
Quem tenta descrever este amor,
Certamente não fará sentido.

As alianças são trocadas,
A palavra ecoa na igreja.
"Sim"

E o que lá entrou como um sonho
Sai como uma promessa:
Até que a morte os separe.

Lara Vic.

2 comentários:

  1. AMEI DE PAIXÃO *----------------*
    muito lindo... Parabéns :]
    bjs

    ResponderExcluir
  2. Olha, que coisa linda! Acho que no fim das contas, eu sonho em casar assim, na igreja e tudo! Muito lindas suas poesias, Lara, tô seguindo seu blog para ler mais delas. Beijão!

    ResponderExcluir