16 dezembro 2010

4

Armas de Amar



Um de meus favoritos para começar com chave de ouro!


Armas de Amar


Nascidos da Terra
Ao lado de flores
Moldados no Fogo
Em labaredas de cores
Aliviados na Água
Livrando-se da mágoa
Soprados pelo Ar
Para prosperar
O Espírito é a essência
Que conquista o mérito
De ser Humano,
Homem ou Mulher
Forjados como arma
Porém feitos para amar.

Lara Vic.


4 comentários:

  1. Querida seus poemas são maravilhosos!
    Para que não pare por falta de incentivo, deixo aqui o meu. Tuas palavras fluem com leveza e inocência moderada de uma adolescente que ainda as firma no mundo de hoje frio e hostil.

    ResponderExcluir
  2. Belo poema e a ess imagem é lindíssima.
    A inspiração dessa ilustração deve ter sido Salvador Dali...ele pintou um quadro assim, dividido - dia e noite...muito bonito.

    Bem, com esse comentário vou parar pq já abusei dos "comentários" por hj rsrs
    Mas porque suas poesias obrigam a leitura
    Abraços Lara e está de parabéns, vc é muito sensivel e inspirada.

    ResponderExcluir
  3. muito obrigada!
    bem, acho que você nem teria mais o que comentar, essa foi a primeira poesia que postei nesse blog ^^^
    muito obrigada pelos elogios!

    ResponderExcluir